Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

No comando: Programação Automática

Das 00:00 as 05:59

No comando: Manhã Rural

Das 05:00 as 06:59

show
No comando: Show da manhã

Das 06:00 as 09:59

padre-reginaldo-manzotti-1
No comando: Experiência de Deus

Das 10:00 as 11:00

sintonia
No comando: Sintonia Positiva

Das 11:00 as 12:59

16a
No comando: Sucesso Integral

Das 13:00 as 15:59

sertanejo
No comando: Sertanejo bom demais

Das 16:00 as 18:59

No comando: Programação Automática

Das 20:00 as 22:59

No comando: Flashback

Das 23:00 as 23:59

Triângulo e Alto Paranaíba não registram novos casos de morte por dengue, febre chikungunya e zika

Compartilhe:
aedes-aegypti1

Nenhum novo caso de morte por dengue, febre chikungunya e zika foi registrado em cidades do Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba. No entanto, de acordo com o boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG), alguns municípios têm casos prováveis, entre notificações confirmadas e as que ainda estão sob investigação, das doenças.

Conforme já informado pelo G1, as últimas mortes registradas na região por dengue foram entre os meses de abril e maio em Ituiutaba e Uberaba. Já por zika e febre chikungunya, nenhum óbito foi registrado na região até 24 de setembro.

A SES-MG divulga o levantamento sobre as doenças de 15 em 15 dias. Confira detalhes sobre casos em investigação no Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba.

Dengue

Segundo o Ministério da Saúde, o vírus da dengue é transmitido pelo mosquito Aedes aegypti e causa doença febril aguda. Na maioria dos casos, os sintomas são leves e autolimitados. Contudo, uma pequena parcela dos infectados evolui para doença grave.

O Ministério da Saúde estima que 2,5 bilhões de pessoas no mundo vivam em área de risco de transmissão do vírus, o que causa entre 50 milhões e 100 milhões de infecções e 20 mil mortes anualmente.

Minas Gerais registrou 23.852 casos prováveis neste ano de dengue até 24 de setembro, entre notificações confirmadas e as que ainda estão sob investigação. Em 2018, oito óbitos foram confirmados por dengue nos municípios: Araújos, Arcos, Conceição do Pará, Contagem, Ituiutaba, Lagoa da Prata, Moema e Uberaba.


Fonte: G1 Triângulo Mineiro

Deixe seu comentário: